Goleiro Bruno deve ser mantido como titular para enfrentar o CAP

Na próxima quarta – feira (12), CAP irá enfrentar a equipe do Boa Esporte, que na abertura do hexagonal final do Módulo 2 do Campeonato Mineiro, que empatou com o time do Uberaba em 1 a 1, empate que saiu após goleiro Bruno cometer pênalti que na sequência sofreu o gol.

A expectativa é que seja mantida a titularidade do goleiro Bruno na equipe do Boa Esporte. O jogador havia sido preso em 2010 e foi condenado a 22 anos e 3 meses de prisão pelo assassinato e ocultação de cadáver de Eliza Samudio e por sequestro e cárcere privado do filho Bruninho. No fim de fevereiro, foi solto por determinação de uma liminar do ministro Marco Aurélio Mello, do Supremo Tribunal Federal (STF), que entendeu que o jogador poderia aguardar em liberdade o julgamento do recurso que entrou em 2013. Ele pode voltar à prisão, caso o recurso seja negado em sessão no dia 19 de abril. Bruno tem 32 anos com passagens pelo Atlético Mineiro e Flamengo.

 

Texto: Shaider Mendes


COMPARTILHE NO:

COMENTÁRIOS